14 outubro 2014

Parabéns Toni

























É uma figura incontornável do nosso Futebol, do nosso Benfica.
Foi um jogador tremendo, arrecadou inúmeros títulos, tinha um carácter tremendo e transmitia uma força única. 

Quando em 94 foi Campeão e quiseram contratar o coveiro Artur, ao despedi-lo ele não aceitou a indemnização à qual tinha direito, por ser um doente pelo Benfica, um adepto nas 4 linhas, um sofredor incansável que ainda hoje sente tudo à flor da pele no que toca ao seu Clube de criança. 

Hoje faz 68 anos.

Parabéns grande Toni!

27 comentários:

Diogo Costa disse...

Só para dizer que o Toni, grande Toni, é talvez o único gajo afecto ao Benfica, desses que pululam por essa merda desse jornalismo desportivo, que aqui o Diogo Maria aprecia e admira.
Grande Toni. Parabéns, Toni. O Simões ao pé do Toni é um cagalhão numa fossa de Nova Dehli!

Cafageste disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cafageste disse...

Um penalty em homenagem ao Toni!!!

Silent Man disse...

Esse senhor jogou com o meu pai! Grande Toni, amigo, muitos parabéns!
Aquele abraço

Roberto Rensenbrink disse...

1.º) O Toni futebolista é o responsável por eu ser benfiquista. Foi ele que levou o miúdo a ser do Benfiquista num bairro de sportinguistas.

2.º) Num «post» de celebração do aniversário de um benfiquista, vir um monte de merda cuspir no António Simões é mesmo de abaixo de bosta.

Diogo Costa disse...

Querida Roberta:
Posso fazer melhor e disparar ao Inzébio, se vossa excelência quiser. É que, convenhamos, gente que quer mal ao meu clube, vejo-me na legitimidade de dizer o que bem entender. Tomara simões e inzébios ter a classe de um Coluna e de um Toni. Mas vá, se me largares, eu juro não ir mais fundo na análise que faço de vossa excelência, cagalhão que vem para aqui discorrer sobre Heidegger, ao velho estilo da leitura da contracapa e de uma merda qualquer de uma introdução manhosa ditada por outro qualquer nazi de merda! Sabe o que me faz recordar, Roberta? Aqueles tipos que vão para um bar qualquer e que são uma seca tão grande, tão grande, que até a miúda mais feia do bar percebe que esteve a decorar frases da wikipedia na noite anterior, afastando-se também, como é óbvio. Ide co´caralho! Booooooring.

Roberto Rensenbrink disse...

Bosta, lamento imenso essas tuas experiências em bares.

Em segundo lugar, convenhamos que dispensar tempo a personificações da ignorância como tu é... isso mesmo. E não é contracapa, é colofon mesmo.

Por último, és merda mesmo, pazinho! Merda da mais merdosa.

Aprende a escrever, please, and then return.

E não voltes a bares, pá, para ver se esses traumas desaparecem. Ou como uns tempinhos junto de Prometeu também te ajudariam. Sim, tens autorização para ir à Wiki... o que quer que isso seja.

Diogo Costa disse...

http://literatura-em-resumo.blogspot.pt/2014_10_01_archive.html

Roberto, és tu?
http://www.youtube.com/watch?v=LkfXEAXGt9k

Tão lame, Roberta. Tão 2002.

Vá, adeus. Depois disto que vi teu, arrumo as botas.

Shiver disse...

Diogo não poluas o espaço já de si poluído e vai fazer bicos ao vosso Manuel Fernandes lá pra os lados de sarilhos pequenos.

Roberto Rensenbrink disse...

Non, sed possibilitas est.

Parvus es, solum parvus. (atenção à etimologia)

Não, gunai.Tão só um extrato enviado «ad» Terras de Vera Cruz de um extrato abstardado de um fragmento atribuído a Marcial e adaptado por um imbecil que se considera apto para mestre.

Tu es, puella Bosta?

Diogo Costa disse...

Shiver, não dá. O Manel está ocupado com a própria bílis.

Credo, Roberta. Sai dessa escuridão. Assim só consigo sentir pena.

Bem, galinhas, gosto muito, mas agora tenho de ir. Beijos e abraços.

Roberto Rensenbrink disse...

Carissimus Bosta,

Quando levantas da cadeira (já notei),
a mal-fadada túnica te enraba.
Embora queiras arrancar com a mão dextra
e a sinistra, desistes com lamúrias:
tanto as apertam as Simplégades do cu
e entram os glúteos enormes e ciâneos.
Queres emenda ao torpe vício? Ensinarei:
nem te levantes, Diogo, nem te sentes.

The Man in Red disse...

Caros consócios, já repararam que "Diogo Maria" parece mesmo nome de visconde? Ou então de um qualquer betinho de Cascais armado em rufia enquanto os papás não chegam a casa... :D

Alberto disse...

A culpa é vossa que puxaram para este idiota voltar. Agora aturai-o.

Silent Man disse...

Sou só eu a achar que num post de celebração a uma figura pública, fica muito mal este tipo de comentários?

Diogo Costa disse...

Bom, e vocês a dar-lhe com o Diogo Maria. 1)Perderam o contexto todo. 2)Fazem assim: enviam uma mensagem em privado aí ao gordo e ele diz se sou ou não de Cascais, avaliando pelo IP. Força nisso, mas larguem-me a cueca!

Roberta, já não sei o que te dizer. Honestamente, não sou do tipo bully, principalmente quando do outro lado tresanda a noites de autocomiseração. A sério, já patinei um bocado contigo, mas agora não vou mesmo por aí.

Roberto Rensenbrink disse...

Bosta,

projeção dispersiva de estados de alma e traumas não é por aqui...

E continuas a ser um merdas que conspurcou um «post» de homenagem a um senhor.

E era por aí que nunca deverias ter ido. Porém, pode tirar-se o sujeito do esgoto, mas não se pode extrair o esgoto do Bosta.

AL disse...

DC,

Levaste na tromba, enfiaste a túnica entre as nalgas e bateste em retirada.

Pelo meio gaguejaste ignorância e diarreia mental.

Só o teu meio neurónio que ainda resiste te salvou ao obrigar-te à fuga. Ainda há esperança para ti...

Diogo Costa disse...

Qual fuga, pateta. É pena, apenas isso. Sabes aquele momento em que há constrangimento alheio? Aí tens. Outrossim, passas a chupá-la, porque isto é um blog de futebol e não estamos aqui com merdas.

E para quem fala de diarreia mental (A sério? Não tinhas outro termo) e ignorância, para depois acabar uma frase feita em reticências, é porque é apenas um pateta.

Roberta, eu sou o merdas que sou. Larga lá isso, a sério. Que horror, tu e o teu terrorismo poético. Profundamente constrangido por ti, meu caro. Força, vá.

Benfiquista Primário disse...

Mais uma pérola de comédia involuntária do Diogo Maria: 'honestamente, não sou do tipo bully'!! LOL como se pode ser tão desprovido de self awareness, mesmo sendo adepto da produtora de humor do Lumiar? Não sei se ele dizer isto é mais como o Hitler dizer 'não sou do tipo autoritário', como o Einstein dizer 'não sou do tipo inteligente' ou como o Naby Sarr dizer 'não sou do tipo defesa central miserável'.
Carrega Toni!

Roberto Rensenbrink disse...

Man, deixa lá essa auto-complacência e, como diria o outro, não sejas possidónio.

«... isto é um blog de futebol e não estamos aqui com merdas.»

Pois... o que fazes aqui então, cachapa?

Diogo Costa disse...

Símio: ou como tu, que adoras ir ao nervo mas não vives sem o Diogo Maria.

Roberta: defendo o Sporting, num blog sobre o Sporting. Esclarecido?

AL disse...

«... defendo o Sporting, num blog sobre o Sporting.»

Pobre Sporting! :(

Shiver disse...

Diogo,se tu disseres que eu cheiro mal dos pés e eu responder a dizer que tu cheiras mal da boca não me estou a defender porque não rebato nem contrario com factos a tua afirmação.

Revê lá a tua defesa já que com advogados desses o sporting continuará bem fudido da vida.

Diogo Costa disse...

Oh anta, ainda há dias te deixei uma lista de vídeos do demónio para veres. Fi-lo com a melhor das intenções. Esclarecer-te relativamente ao óbvio. O problema é que depois um gajo vai à caixa de comentários anterior e vê a barbaridade que dizes e pensa "olha, este gajo é dos que vão assobiar para o ar durante 20 anos, tal como os outros". Posto isto, e tendo em conta o caminho que levas, não me parece que haja defesa ao Sporting que resista aos teus olhos. Mas como vem daí, estou tranquilo.

Tu fudes.
Ele fude.
Nos fudemos.
Eles fudem.

Diogo Costa disse...

Ah g´anda Toni, carago. Vai Toni, são os teus anos.

Já o tremoço a fugir para o marisco, bem como o Pedro Guerra da SIC goes caracolinhos, é para fugir.

Benfiquista Primário disse...

Diogo Maria, eu não passo é sem me rir. A produtora de humor do Lumiar é do melhor que há para essa necessidade diária. E tu, sendo um arquétipo perfeito do típico adepto da dita produtora, és um excelente pretexto para usar, rir e deitar fora.
PS. Podes ir pesquisar à Wikipédia o que significa arquétipo - sugiro-te que guardes na mesma pasta em que guardaste a pesquisa sobre o Prometeu.