06 dezembro 2014

Depois da piada, a opinião

Isto do Deyverson e do Miguel Rosa é absurdo.

1) os jogadores não são emprestados, foram cedidos, o Benfica tem opção de recompra e tem uma percentagem dos passes.

2) há regras claras para jogadores emprestados: não podem ser proibidos de jogar contra o clube "Pai".

3) o que aconteceu foi certamente o que acontece em tantos casos da nossa justiça. Os advogados pagos a peso de ouro juntaram-se, viram as leis e encontraram um vazio... "cedes o gajo, e aí proíbes que joguem...".
Ou então simplesmente há um acordo perverso apalavrado, que não é legal certamente mas que é impossível provar...

Resumindo: Seja legal ou não, estou em absoluto desacordo com esta merda, esta banha da cobra, esta mancha no Futebol que tanto nos queixámos durante anos que o Porto fazia, e que agora assobiam para o lado muitos desses gajos.
A célebre frase, que costuma ditar uma capacidade moral e intelectual ao nível da casa dos segredos: "Se os outros fazem, porque é que não podemos fazer??".

Força Benfica, não precisas destas merdas nem de, mais uma vez, meter o nome da instituição junto de um estratagema de meia-tijela.

16 comentários:

Ricardo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
moleculasdeamor disse...

O clube 170 milhões, parece que foram essas as receitas do ano passado... acho genial isto tudo...

PM disse...

É a verdade desportiva do LFV. O homem que junto do PC vai salvar a Liga e o futebol português.

Deviam ter feito o mesmo ao Zénit...

Na 2a volta, no Restelo, meto 100€ na vitória do Benfica. É limpinho, llimpinho.

Roberto Rensenbrink disse...

Pelo menos ninguém os «apertou» no final.

E depois ainda se queixam de que o Benfica não tem formação de jogadores e tal...

João Oliveira disse...

Antes de mais vou deixar a minha opinião bem clara em relação a este assunto. Se não está previsto na lei esta proibição sou contra um acordo verbal nesse sentido. Mas mesmo dito isto existem coisas que importa serem abordadas

Em primeiro nada do que aconteceu é ilegal. Não existe nada assinado entre os clubes por isso o Belenenses podia usar os jogadores mesmo que exista esse acordo verbal.

Em segundo lugar até explicação em contrário não existe nada que leve a pensar que esse acordo verbal existe mesmo. Os próprios jogadores podem ter comunicado ao seu treinador que não se sentiam com condições para jogar contra o "seu" clube ou o próprio treinador pode ter achado isso. Mas essas hipóteses ninguém coloca.

Em terceiro lugar os gajos que se queixavam dos jogadores emprestados do Porto não jogarem contra eles são os mesmos gajos que nos poucos jogos em que isso acontecia e a coisa corria mal diziam logo que esses jogadores tinham aberto as pernas (o mesmo se passa com os treinadores ligados ao Porto por essa Liga fora). Ou seja, esses gajos só não se queixam quando eles jogam e roubam pontos.

Em quarto lugar revolta-me que a comunicação social tenha finalmente pegado nestes casos na primeira vez que me lembro tal acontecer com o Benfica. Foram anos e anos de lesões à quinta-feira de jogadores emprestados pelo Porto e ninguém abriu o bico. Pelos vistos pelo que eu vi num blogue benfiquista esses casos também já aconteceram com o Sporting num "acordo de cavalheiros" (como era visto na CS na altura) para Nuno Reis emprestado ao Olhanense não jogar contra o Sporting.

Para completar deve ser visto definitivamente o que fazer em relação a estas situações e criar regulamentação forte.

Jorge Alemão disse...

Para já a minha vénia ao Gordo pela honestidade e cooerencia demonstradas - infelizmente pelo insultos no FBm, a maioria dos benfiquistas não pensa da mesma forma

Depois a liga ou a federação o seja quem for, já devia ter aberto os olhos a esta situação e regulamentado pelos menos no caso dos jogadores emprestados

Agora salvo erro o Miguel Rosa e o Deyverson são jogadores do belenenses, com vencimento pago pelo belenenses - não há qualquer justificação para o que aconteceu

João Oliveira - ainda na epoca passada se passou o mesmo com o Miguel Rosa

Roberto Rensenbrink disse...

Jorge, a maioria não sei... mas há pelo menos mais 2 que pensam como o Bucha.

Gil Monteiro disse...

Concordo com tudo, sou contra estas cedências de direitos desportivos com acordos foleiros no meio, sejam eles quais forem...
Sou contra esta merda de os dois jogadores não poderem jogar, sou contra os montes e montes de jogadores do Porto que fizeram isso e sou contra as vendas de Bruma e Insúa que impedem que o Benfica ou o FCP os vão buscar sem que os clubes que os contrataram tenham que indemnizar o SCP por isso mesmo...
São questões de "advogados pagos a peso de ouro" que "viram as leis e encontraram um vazio".
É ridículo, qualquer uns dos casos e fazerem de conta que não se passa nada ainda mais.
P.S. Adeptos que elogiaram as cláusulas do Bruma e do Insúa começarem com o palavreado de virgens ofendidas por outras cláusulas de outros contratos é completamente ridículo.

Benfiquista Tripeiro disse...

Subscrevo o post por inteiro, não se compreende esta merda.

Jorge Alemão disse...

Roberto

Só estou a falar dos comentarios no facebook

Benfiquista Primário disse...

Completamente de acordo. Espero que isto não indique uma 'anterização' do campeão nacional...

Pedro disse...

Nunca, em momento algum, um caso destes aconteceu com o Porto. Jogador vendido é jogador vendido, a equipa que o compra faz como quiser, agora emprestados é outro assunto.

benfica criou um precedente ridículo e passível de ser punido. É esperar pelo comunicado do xerife do lumiar.

Hugo Valente disse...

"esta mancha no Futebol que tanto nos queixámos durante anos que o Porto fazia, e que agora assobiam para o lado muitos desses gajos."

Em que situaçao de partilha de passe o porto impediu um jogador de jogar contra si??
É que é sempre muito bonito esta conversa de "fizemos merda... mas o porto fez pior"
A verdade é que hoje neste capitulo houve um novo minimo na decencia! E esse minimo pertençe ao Benfica.

Que me recorde é a primeira vez que jogadores que nao estao emprestados sao impedidos de jogar contra o anterior clube/clube que detem parte do passe/opçao de recompra.
O Toze jogou e bem contra o porto. O Serio Oliveira jogou e bem contra o Porto.
Todos os outros exemplos antigos relativos ao porto sao de jogadores emprestados e nao cedidos.

Jorge Sam disse...

Em relação ao Sporting: há trÊs anos, inaugurámos a liga com um empate em Alvalade, com um golão do emprestado Wilson Eduardo. Há dois anos perdemos a final da taça de Portugal, onde Cédric secou aquela ala esquerda e o Adrien foi o melhor do jogo, com a vitória merecida da Académica. Há um ano, e apesar de ter havido outras questões que portistas e benfiquistas dominam melhor, o Sporting perdeu dois pontos em Setúbal, com o João Mário a ser um dos melhores em campo. E muito sinceramente, que assim seja. Se é para aprender a mal, então que se perceba que os jogadores emprestados pelo clube, que não tinham espaço nos 23 escalados para a época, afinal têm o seu valor e só têm de o mostrar contra a equipa que prescinde temporariamente dos seus serviços. Mas o assunto de ontem é mais grave do que as constipações do abdoludai, por dois motivos: 1) a recorrência de ter acontecido por três vezes, no espaço de um ano; 2) a forma incrível como o fizeram, sendo os atletas jogadores com contrato no belenenses. Para mim este segundo ponto é o mais grave de todos. Mas até podemos esquecer todos os pontos e justificações inacreditáveis que já ouvi e li porque o resultado disto tudo é a verdade desportiva que fica posta em causa. As declarações do jesus também são um mimo "com aqueles dois jogadores ou sem eles, o benfica ganhava na mesma".
Em relação ao Insua, Bruma e todos os outros que saíram do Sporting nos últimos anos, incluindo o Leonardo Jardim, que tem essa cláusula, hão-de me dizer o que tem isso a ver com o resto. É que me parece que o Bruma, vendido com a salvaguarda de não vir a reforçar um dos rivais do clube vendedor, não está propriamente a influenciar resultados nos jogos da liga. Ou será que está, jogando ou deixando de jogar consoante os estados de espírito dos presidentes dos clubes que já estarão eventualmente a ser pagos por portistas e benfiquistas. E o Insua a mesma coisa. Mas se calhar vão dizer-me que o Benfica só não tem 20 pontos de avanço porque o benfica não pode despedir o Jesus para ir buscar o Leonardo. Epá, eu percebo que tentem tapar o sol com a peneira, tal como os vossos novos amigos fizeram durante mais de 20 anos, mas tenham o mínimo de vergonha e percebam que já não é só o porto que dá machadadas no desporto nacional. E não me estou a referir À malta aqui do blog. Estou mais a falar do pessoal que comenta no facebook, ou pelo menos daqueles comentarios que consegui ler no facebook

Daniel disse...

Verdade desportiva não interessa nada não é?

...MCM... disse...

Muito bem! Sou sportinguista e completamente contra a atitude do "assobiar para o lado quando somos nós a adulterar as regras do jogo". Bom desportivismo!
Bem-haja, MCM.