22 setembro 2013

Xistra e os Grandes

Todos sabemos que os grandes são mais beneficiados no que toca a arbitragens.

O que se passou ontem foi uma confusão normal do Xistra... Então o gajo vê uma equipa a ganhar 1-0 em casa e a tirar um avançado para meter um trinco aos 68min??

Não podia ser um grande...por isso não assinalou nada...


PS: depois de 2 golos em fora de jogo que deram pontos ao sporting terem sido apelidados de "erros comuns", este terá sido um roubo de igreja sem margem para erro?

13 comentários:

hertz disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
hertz disse...

Foi engraçado ver as capas de jornais hoje. Vários jornais, para além dos desportivos, a darem grande destaque ao tal penalty. Agora é comparar, por exemplo, com as capas pós-derby em que nem sequer falaram na arbitragem. E o rascord? Hoje deram um destaque enorme à arbitragem enquanto que quando foi o derby nem em letras pequeninas falaram na arbitragem. E aquele a que chamas Paulo Portas ainda diz que o rascord é afecto ao Benfica...LOL

Manuel disse...

A resposta foi dada pelo Leonardo Jardim, uma chapada de luva branca ao Jesus, adorei.
O Jesus agora que se cale durante uns tempos.

Mike disse...

se o braga ganhar ao sporting para a semana... lá se vai o tesão do mijo!

o leonardo jardim disse que era hipocrisia falar de arbitragem? o mesmo leonardo jardim que na véspera do derby tentou condicionar o trabalho dos árbitros falando dos "bloqueios" (ainda não percebi que merda é essa! mas os jogadores agora não se podem mexer?) e dos lançamentos de linha lateral?

chapada de luva branca? foda-se!

leonardo jardim é apenas mais um da escola corrupta. é um dos 50 em estágio para suceder a paulo fonseca!

hertz disse...

Oh Manuel, não é o JJ que se põe a falar de árbitros antes dos jogos como fez o L. Jardim.

Mokambo da Silva disse...

O que é que achas, ó Gordo? O que será roubalheira? Por favor, diz-me, com a tua inteligência:

a) dois foras de jogo por centímetros, um dos quais numa jogada que antecede o golo, ou

b) o facto de um gajo estar a olhar para uma jogada, sem ninguém à frente, a cinco metros do lance, com todo o campo aberto para ver a trajectória da bola, ver um jogador de campo fazer uma defesa à andebol e cortar a mão com a bola dentro da área, não marcar penalty e dizer, com cara de quem sabe o que fez « não vi, não vi». Pois se não viu, devia estar com os olhos fechados com certeza.

Faz a pergunta ao contrário, amigo Gordo, será que aqueles que choraram tanto aqueles dois fora-de-jogo, não deviam ter vergonha na cara e perceber, agora, a diferença entre um erro e um inegável roubo intencional ?

Diz-me tu, que és inteligente, simpático gorducho.

Mokambo da Silva disse...

Correcção: "cortar" a bola com mão, que o gajo do Rio Ave não cortou nenhuma mão usando uma bola. Fica o reparo. :)

LM disse...

O mais engraçado disto tudo é que ontem foi o Sporting roubado, hoje talvez sejamos nós, e os de sempre vão cantando e andando...

Enquanto Benfica e Sporting não se juntarem contra os da corrupção não vamos a lado nenhum.

Henrique disse...

De facto 1 metro são 1000 milímetros. Os lagartos têm razão!

David Duarte disse...

Os sportinguistas estão tão interessados em discutir de arbitragem com os benfiquistas que nem se colocam a questão de saber por que razão foram beneficiados no inicio da época e curiosamente começam a ser prejudicados antes de jogarem contra os corruptos...

João Jordão disse...

Benfica e Sporting têm é que disparatar uns com os outros. Enquanto isso, a corrupção soma títulos. O Xistra faz, juntamente com o Pedro Proença, o duo desequilibrador do campeonato TODOS os anos. É lógico que se o leão mostrasse muito a gadelha ia comer por tabela.

Jairo Filipe disse...

É isso, adiposos benfiquistas. Façam de conta que o Xistra não marcou porque não quis, nem tinha a lição estudada. Como outros já disseram, é inevitável que vos sirvam o mesmo prato nos próximos serviços. Depois não chorem, ok? São tudo erros normais, não vamos ser calimeros, às vezes também somos beneficiados, o sistema não existe ( é um mito!) e o FCP não o controla. Sejam é coerentes, defendam isto sempre.

Mas será que eu, sportinguista, tenho alguma problema em admitir que fomos beneficiados há um ou dois anos atrás em Alvalade contra o SLB, não se marcando um penalty escandaloso na jogada inicial da partida a favor dos vermelhos; porque, evidentemente, já estávamos fora da luta pelo título e o Benfica discutia-o com o Porto? Cai-me um braço por ver essa evidência? Tenham fair play e olhos na cara, benfiquistas.

PS-Isto é tão estúpido que desde há 30 anos se sabe, diz-se em todas as reportagens em que se invoca o Pedroto, que basta Sporting e Benfica unirem-se e o poder corrupto do FCP acaba. Mas vamos continuar a meter a cabeça na areia, quando não nos toca a nós particularmente.

Yilmaz disse...

No Colinho No Pontinhos